Localização

Bem-vindo ao Universo Fnac! Para que sua experiência seja a melhor possível, defina sua localização:

Entrevista

O favorito dos pequenos

Os criadores do Mundo Bita, Chaps Melo (criador e diretor artístico) e João Henrique (roteirista), bateram um papo conosco sobre o mundo que criaram e que conquistou o coração das crianças

Entrevista

O favorito dos pequenos

jenniffer.hoche • 09 de dezembro de 2016 • 14h00

Como é o processo criativo de vocês? De onde vem a inspiração para as canções?

O Mundo Bita começou pela necessidade que tivemos em oferecer conteúdo de qualidade aos nossos filhos e filhas. Em 2011, havia muito pouco conteúdo digital original feito com critério. Iniciamos com aplicativos para tablets e telefones, elaborando livros digitais já com o Bita como personagem autoral da Mr. Plot. Depois de um ano, veio o aplicativo Bita e os Animais, que trazia também clipes com a temática dos bichos e seus ambientes. Os clipes foram tão bem recebidos que passamos a focar neles. O Chaps tem duas filhas e compõe e canta as músicas. Ele tem um processo criativo muito particular, em que escreve as letras já com as linhas melódicas. Depois se reúne com a equipe de músicos, grava e encaminha a faixa para a equipe de ilustração e animação, que faz o storyboard, depois o animatic, até chegar ao desenho animado final.

 

Quais artistas, infantis ou não, vocês consideram como suas influências?

A equipe é altamente eclética. O bom e velho rock’n roll está sempre nas playlists. Mas temos também uma adoração pelos artistas brasileiros da música popular, como Vinicius de Moraes, Chico Buarque, Caetano Veloso e Maria Bethânia.

 

O Mundo Bita é um sucesso em novas plataformas, como YouTube e Netflix. Quais as diferenças ao produzir conteúdo para um público tão conectado?

Hoje, não é só o conteúdo que entra em contato com o público. Há uma simbiose e uma relação de troca tamanha que parece tudo se entrelaçar. O público é ativo e participativo. A partir do nosso primeiro álbum, muito do que realizamos se moldou pela reação das pessoas. Os assuntos das temporadas seguintes foram debatidos levando em consideração o que recebemos de informações que vêm das famílias. Estar atento e abrir o coração para esta relação com o fã é dos fatores mais importantes para nós.

 

O que não pode faltar no Natal de uma criança?

O carinho da família e muita música!

Por Carolina Porne